E como continuação do post anterior, hoje mostro-te como é possível com o mesmo número de refeições diminuir o aporte energético e ter uma maior quantidade de alimentos no teu prato.

As refeições e respetivas quantidade que apresento nestes posts são apenas exemplos. O teu dia alimentar deve ser adaptado às tuas necessidades e objetivos!