Tenho uma doença auto imune e uma doença reumatológica o que gera um processo inflamatório brutal no meu corpo.

Quando comecei a adquirir hábitos saudáveis percebi que as minhas dores, o meu bem estar, o meu sono melhorava de forma radical e me acabavam por dar uma energia muito melhor ao longo do dia.

Pensem comigo, fast food ou alimentos sem riqueza nutricional se, comidos em exagero podem causar má digestão, irritabilidade intestinal, picos de tensão, aumentos de glicémia entre outras coisas.

Consumir alimentos adequados ao nosso corpo, alimentos que estimulem o nosso metabolismo, que ajudem na concentração, no processo de digestão, no movimento intestinal vão obrigatoriamente gerar uma qualidade de vida superior a uma alimentação rica em açúcares e coisas processadas.

Beber mais água é criar um hábito saudável, é hidratar o nosso corpo de forma a ele funcionar de forma plena, comer mais legumes é ajudar o nosso corpo a funcionar melhor, a ter mais energia, a receber os micronutrientes essenciais a um bom funcionamento e a ajudar o nosso intestino a estar em plena saúde. Ter uma alimentação completa e equilibrada põe o nosso corpo na sua plenitude e, associado ao exercício físico torna-nos muito mais aptos para o stress do dia-a-dia. Podes comer um doce, uma refeição de fast food que gostes, claro que sim, esporadicamente e sem exageros, isso também é saudável, também te traz a regulação dos níveis de serotonina (neurotransmissor responsável pelo sentimento de controlo de humor, regulação do sono, manutenção da saúde mental, da diminuição de ansiedade e regulação do apetite) mas, tal como tudo tem que existir um equilíbrio para que o teu corpo esteja bem e pronto para o teu dia.

Aprendi a ouvir o meu corpo, aprendi a escolher alimentos que ajudam no processo inflamatório causado pelas minhas doenças e sem dúvida que aprendi que há formas de atenuar as dores, o processo inflamatório e as reações através da nutrição!

Primeiro cuida de ti, aprende a ouvir o teu corpo.